Anoreg RS

Revista Crescer – Pelo menos 738 crianças peruanas têm nomes em homenagem a Pelé

Por incrível que pareça, homenagens desse tipo ao rei do futebol são mais comuns no Peru do que no próprio Brasil. Por aqui, o IBGE aponta que apenas 112 meninos brasileiros receberam nomes que fazem referência ao jogador

Na última quinta-feira (29), o mundo se despediu de Pelé, o “rei do futebol”, mas seu nome vai continuar vivo na memória e na certidão de nascimento de muitas crianças. O Registro Nacional de Identificação e Estado Civil (Reniec) do Peru divulgou que, até o fim de 2022, pelo menos 738 meninos peruanos receberam nomes em homenagem ao atleta. “Edson Arantes”, “Edson Arantes do Nascimento”, “Pelé” e “Rey Pelé” foram algumas das escolhas mais comuns feitas pelas famílias.

Uma lista divulgada pelo Reniec mostrou que as mães e os pais peruanos adoram fazer homenagens a famosos jogadores de futebol. O nome preferido é “Cristiano Ronaldo” – mais de 31 mil crianças já foram registradas dessa forma. Também há 371 meninos chamados “Lio Messi” ou “Messi”e 229 com nomes do jogador francês “Kylian Mbappé.

Por incrível que pareça, homenagens desse tipo ao rei do futebol são mais comuns no Peru do que no próprio Brasil. O sistema de pesquisa de nomes do IBGE aponta que pelo menos 112 meninos brasileiros já receberam o nome de “Pelé”. A maior taxa de registros foi justamente na década de 60, quando o jogador vivia sua melhor fase e havia acabado de se consagrar como bicampeão da Copa do Mundo.